PARCEIRO DE SANDY E LORC, DANIEL LOPES CAI NO SAMBA COM EP ‘TODO MUNDO É DJ’

postado em: ARTE, BIOGRAFIA, NOTICIAS | 0

 

Parceiro de Sandy (em Respirar, música de 2016) e de Tiago Iorc (em Um dia após o outro, canção lançada por Iorc 2013), entre outros cantores e compositores, o carioca Daniel Lopes cai pela primeira vez no samba de forma ampla, geral e irrestrita no ainda inédito EP Todo mundo é DJ.

O disco apresenta cinco músicas compostas pelo artista com (tentativas de) referências aos cancioneiros de bambas como João Nogueira (1941 – 2000), Moreira da Silva (1902 – 2000) e Paulinho da Viola, assim como à obra de diluidores como Bebeto. Além da música-título Todo mundo é DJ, Daniel dá voz ao Samba do medo de avião, ao Samba do otário e às músicas Chatinha pra namorar e em Mexe em nada não.

Embora já tenha incursionado ocasionalmente pela cadência bonita do samba, trata-se do primeiro disco dedicado inteiramente ao gênero por esse cantor, compositor, músico e produtor que, a título de curiosidade, assinou a trilha sonora do réveillon carioca de Copacabana na virada de 2017 para 2018.

“Apesar de eu ser mais conhecido pela minha ligação com o rock e o pop, já flertei com o samba algumas vezes. Mas é a primeira vez que caio realmente dentro da linguagem do samba, ainda que eu toque guitarra nesse disco, e não violão”, ressalta Daniel Lopes.

fonte: Mauro Ferreira