Carregando ...
BIOGRAFIA,  DJ,  MÚSICA,  NOTICIAS

Google homenageia os 32 anos de Tim Bergling(Dj sueco AVICII)

Google Doodle faz uma linda homenagem para um dos maiores djs e músicos Avicii (Tim Bergling) que hoje 08/09 completa 32 anos, ao som de Wake me up.

Como diz em sua música de Tim Bergling, todos nós estamos em busca de algo que haja sentido, não sabemos aonde essa jornada nos levará, mas sabemos por onde começar. O DJ e produtor Avicii suicidou-se aos 28 anos, e, agora, um ano e meio após o trágico acontecimento, google homenageia o dj e produtor no Google Doodle.

Em entrevista à CBS, o pai do músico, Klas Bergling, quebrou o silêncio e falou sobre a doença mental do filho, a morte, e, ainda como gostava que o mesmo fosse recordado: “Como uma boa pessoa, um bom produtor. Ele tinha um bom coração”.

Pouco tempo antes da morte, Avicii falou abertamente sobre a ansiedade, a depressão e a dependência de que sofria, num documentário, que o pai do jovem músico vê como um momento de coragem: “Acho que foi corajoso da parte dele abrir-se daquela maneira”. 

“Quando tens um filho que não está bem, fazes de tudo para que as coisas fiquem bem e voltem ao normal. E tentas perceber o que está a acontecer. Por isso, fomos a um psiquiatra, quando o Tim tinha uns 14 ou 15 anos. E ele acalmou”, contou Klas.

“O suicídio foi um choque para todos nós. Achámos, mesmo, que ele estava muito melhor”, acrescentou o pai de Avicii que, depois de dois anos de uma pausa na carreira, acreditou que o filho se encontrava melhor, quer a nível mental, quer a nível físico, tendo começado a praticar desporto.

“Tim Bergling Foundation” é a fundação que os pais do artista criaram, de forma “a acabar com o estigma de doença mental e que se fale sobre a doença mental e o suicídio”: “Esperamos ser uma voz para o Tim, já que ele tinha milhões de fãs”.

Avicii morreu a 20 de abril de 2018, em Oman, onde se encontrava de férias com uns amigos. O DJ sueco, que atuou como estrela em festivais de todo o mundo, foi muito conhecido por colaborar com grandes artistas como Coldplay em “A Sky Full of Stars”, David Guetta em “Sunshine”, Lenny Kravitz em “Superlove”, Robbie Williams em “The Days” e Rita Ora em “Lonely Together”.

O mundo reagiu a sua morte como uma perda irreparável sabendo que tivemos uma lacuna que não se preencherá com outro artísta como Avicii, um jovem que fazia com suas próprias mãos a alegria de multidões por todo o mundo.

Deixe um comentário